Portal NippoBrasil - OnLine - 17 anos
Terça-feira, 27 de junho de 2017 - 0h47
  Empregos no Japão

  Busca
 
  Seções NippoBrasil
   Comunidade
   Opinião
   Circuito
   Notícias
   Agenda
   Dekassegui
   Entrevistas
   Especial
-
  Variedades
   Aula de Japonês
   Automóveis
   Artesanato
   Beleza
   Bichos
   Budô
   Cultura-Tradicional
   Culinária
   Haicai
   História do Japão
   Horóscopo
   Lendas do Japão
   Mangá
   Pesca
   Saúde
   Turismo-Brasil
   Turismo-Japão
-
  Esportes
   Copa do Mundo 2014
   Copa das
 Confederações 2013
-
  Especiais
   Imigração Japonesa
   120 anos de Amizade  Japão-Brasil
   Bomba de Hiroshima
   Japan House
   Festival do Japão 2016
-
 Colunas
   Conversando de RH
   Mensagens
     Roberto Shinyashiki
-
 Veja mais  Classificados
   Econômico
   Empregos no Brasil
   Guia Profissionais
   Imóveis
   Oportunidades
   Ponto de Encontro
-
  Interatividade
   Fale com a Redação
-
  Institucional
   Quem somos


Arquivo NippoBrasil - Edição 096 - 22 a 28 de março de 2001
 
Parque Nacional Chapada dos Veadeiros

“Andar pelo cerrado é um dos maiores e mais completos
prazeres do homem em sua relação com o meio ambiente”
 

(Fotos: Reprodução / Divulgação)

No meio do cerrado goiano há um lugar de muita energia. Ponto de encontro dos místicos, a Chapada dos Veadeiros tem como característica especial a sua localização sobre uma imensa placa de cristal de quartzo. Crenças à parte, o que qualquer um pode constatar é a extrema beleza protegida pelo Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros.

Água é o que não falta no local. Inúmeras trilhas levam à cachoeiras e poços de águas cristalinas e de cor castanha devido à alta concentração de óxido de ferro, entre cânions rochosos. Não só as cachoeiras encantam quem passa pela Chapada. Campos de flores, mirantes, mamíferos em extinção e até um curioso vale rochoso com piscinas naturais e mini-grutas, o Vale da Lua, incrementam a paisagem característica do cerrado.

Seja na natureza ou em uma das mais de 30 terapias e vivências existentes em Alto Paraíso de Goiás, um dos municípios ao qual a Chapada pertence, é impossível não encontrar paz e mergulhar no clima zen da exótica região.

Clima
O clima da região é tropical semi-úmido, com quatro a cinco meses secos (maio a setembro). A temperatura média anual está entre 24°C a 26°C. Pode ser visitada o ano todo, sendo o período seco o mais indicado, pois quando chove os rios e cachoeiras podem ser perigosos.

Aspectos Naturais
A atribuição de um lugar energético se deve ao fato da Chapada dos Veadeiros estar localizada sobre uma imensa placa de cristal de quartzo. Seu cenário é incrementado com cristais que brotam do chão, juntamente com rochas de milhões de anos.

Além disso, as águas límpidas e de cor castanha de suas cachoeiras atravessam cânions profundos no meio do Cerrado. Outra importante característica da Chapada, localizada no centro do Planalto Central, é sua condição de divisor de águas das bacias dos rios Maranhão e Paraná.

Representando a vegetação do Cerrado estão o pau-terra-vermelho, o murici-rói-rói, o caju-do-campo, a aroeira, além de diversas palmeiras

Quatro mamíferos em extinção encontram-se no parque: o cervo-do-pantanal, o veado-campeiro, a onça-pintada e o lobo-guará. Além desses, há o tamanduá-bandeira, o tatu-canastra, a capivara e a anta. Emas, tucanos e urubus são algumas das aves encontradas.

Localização
O parque está localizado a nordeste de Goiás, pertencendo aos municípios de Alto Paraíso de Goiás e Cavalcante.

Atrações
Tanto para aventureiros, praticantes de canyoning e rapel, quanto para quem quer apenas relaxar e desfrutar de belas paisagens, a Chapada dos Veadeiros pode ser considerada um verdadeiro paraíso: Saltos do Rio Preto (120 m e 80 m), Cânions I, II e Cariocas, Cachoeira da Água Fria (50 m), Vale dos Macacos (cânions e cachoeiras), Cachoeira Almécegas (80 m).

Um dos locais mais incríveis da Chapada é o Vale da Lua, com rochas esbranquiçadas, piscinas entre buracos e mini-grutas. Não menos belo, mas completamente diferente, é o Jardim de Maytrea, com campos de flores, veredas e buritizais cercados por montanhas.

Melhor época
Os dias são ensolarados durante todo o ano. No período seco, de maio a setembro, os rios estão menos caudalosos e o ar é muito seco. Em outubro a paisagem está mais verde, mas os rios ficam mais cheios e perigosos.

Natureza mística
Quem chega à terra dos Veadeiros e se banha em suas águas tem a nítida sensação de estar pisando em solo sagrado. A magia dos saltos do rio Preto e o ruído encantado da cachoeira formada pelo rio São Miguel, bem como as estranhas e sedutoras formas das pedras espalhadas pelo Vale da Lua compõem um ambiente cujo brilho diferente e harmonioso faz da paisagem mais uma experiência místico-religiosa.


“Caçadores do veado-campeiro, animal ainda muito comum na região - os veadeiros da fazenda de café e gado - formada em 1750, deram o nome chapada”
 

Dicas úteis

• Local mais imperdível, é o Vale da Lua. Se você não se importa de caminhar mais um pouquinho, a cachoeira Almécega 1 e três locais do Parque - os Saltos, as Carioquinhas e as Corredeiras - também devem fazer parte da sua lista de prioridades.

• Conselhos importantes para quem for fazer as caminhadas um pouquinho mais longas:
(1) ir de tênis, e não de chinelos ou sandálias;
(2) levar líquidos e um lanche leve;
(3) distribuir as coisas que se for carregar em várias mochilas, ao invés de se fazer uma mochilona para todo o grupo;
(4) levar repelente contra mosquitos.

 Arquivo - Turismo Brasil
Arquivo NippoBrasil - Edição 204
• Redescobrindo o Litoral Sul de SP
Arquivo NippoBrasil - Edição 203
• Serras Gaúchas
Arquivo NippoBrasil - Edição 201
• Socorro abre a porteira para o turismo
Arquivo NippoBrasil - Edição 200
• Circuito das águas
Arquivo NippoBrasil - Edição 198
• Santos: Muito além do Jardim
Arquivo NippoBrasil - Edição 192
• Maranhão, o segredo do Brasil
Arquivo NippoBrasil - Edição 190
• Histórias do Grande Sertão Veredas em Minas Gerais
Arquivo NippoBrasil - Edição 188
• Turismo ecológico no Rio Grande do Norte
Arquivo NippoBrasil - Edição 184
• Península de Maraú: uma delícia baiana
Arquivo NippoBrasil - Edição 180
• Pirenópolis, um pedaço do Cerrado Brasileiro
Arquivo NippoBrasil - Edição 176
• Parque Nacional da Chapada Diamantina, natureza em abundância
Arquivo NippoBrasil - Edição 174
• Santa Catarina é só festa
Arquivo NippoBrasil - Edição 172
• Turismo Cultural em Paranapiacaba
Arquivo NippoBrasil - Edição 170
• Parque Nacional da Bocaina: Natureza e sossego em abundância
Arquivo NippoBrasil - Edição 168
• Maringá: Os encantos da “Cidade Verde”
Arquivo NippoBrasil - Edição 166
• Águas de São Pedro, um pequeno paraíso no interior de São Paulo
Arquivo NippoBrasil - Edição 162
• Santo Amaro da Imperatriz, águas termais e aventura em Santa Catarina
Arquivo NippoBrasil - Edição 158
• Amazônia com conforto
Arquivo NippoBrasil - Edição 136
• Fernando de Noronha: Patrimônio Natural da Humanidade
Arquivo NippoBrasil - Edição 132
• Ilhabela: O encanto do litoral paulista
Arquivo NippoBrasil - Edição 131
• Porto Seguro: Praia de Santo André
Arquivo NippoBrasil - Edição 127
• Ecoturismo: Uma visão diferente de Santa Catarina
Arquivo NippoBrasil - Edição 123
• Araxá
Arquivo NippoBrasil - Edição 115
• Costa do Sauípe: Lazer, Paisagem e Comodidade
Arquivo NippoBrasil - Edição 113
• Caldas Novas: Opção para se esquentar no inverno
Arquivo NippoBrasil - Edição 111
• Pescaria: Os encantos da natureza são infindáveis
Arquivo NippoBrasil - Edição 109
• Jacobina: Circuito das Cachoeiras na Bahia
Arquivo NippoBrasil - Edição 105
• Pantanal
Arquivo NippoBrasil - Edição 103
• João Pessoa: ponto extremo oriental das Américas
Arquivo NippoBrasil - Edição 100
• Natal a cidade do sol no nordeste
Arquivo NippoBrasil - Edição 99
• Descobrindo os encantos do Mato Grosso
Arquivo NippoBrasil - Edição 97
• Recife
Arquivo NippoBrasil - Edição 96
• Parque Nacional Chapada dos Veadeiros
Arquivo NippoBrasil - Edição 94
• Circuito Mineiro das Águas
Arquivo NippoBrasil - Edição 93
• Lençóis Maranhenses
Arquivo NippoBrasil - Edição 91
• São Sebastião
Arquivo NippoBrasil - Edição 90
• Itacaré
Arquivo NippoBrasil - Edição 88
• Camboriú: principal pólo turístico do sul do País

A empresa responsável pela publicação da mídia eletrônica www.nippobrasil.com.br não é detentora de nenhuma agência de turismo e/ou de contratação de decasségui, escolas de línguas/informática, fábricas ou produtos diversos com nomes similares e/ou de outros segmentos.

O conteúdo dos anúncios é de responsabilidade exclusiva do anunciante. Antes de fechar qualquer negócio ou compra, verifique antes a sua idoneidade. Veja algumas dicas aqui.

© Copyright 1992 - 2017 - NippoBrasil - Todos os direitos reservados - www.nippo.com.br

143 usuários online


Redação: editor@nippo.com.br

Diretoria: diretoria@nippo.com.br

Vendas: anuncie@nippo.com.br

Tel: (11) 9 5371 4019 (TIM)

Mais contatos e envio de releases